O Sapo e o Escorpião – A parábola que já vivi

Um escorpião aproximou-se de um sapo que estava na beira de um rio e lhe fez um pedido:

– Amigo sapo, você poderia me carregar até a outra margem deste rio tão largo?

[adToAppearHere]

O sapo respondeu: – Só se eu fosse louco! Você vai me picar e eu vou ficar paralisado e afundar.

Disse o escorpião: – Isso é ridículo! Se eu o picasse, ambos afundaríamos e nos afogaríamos.

Confiando na lógica do que disse o escorpião, o sapo concordou e levou o escorpião nas costas, nadando para atravessar o rio.

Quando chegaram no meio do rio, o escorpião cravou seu ferrão no sapo.

Atingido pelo veneno, e já começando a afundar, o sapo voltou-se para o escorpião e perguntou: – Por que você fez isto? Agora nós dois vamos morrer!

E o escorpião respondeu: “Por que sou um escorpião e esta é a minha natureza.”


Esta parábola é um exemplo típico do que infelizmente é a vida. A banda Catedral gravou uma música baseada nesta parábola fazendo um paralelo entre nós e a paixão. A música traz uma reflexão sobre o perigo das paixões, dos impulsos amorosos, do agir sem pensar. A paixão e seus riscos, como vivê-la e como fugir dela? Particularmente, já fui vítima do veneno da paixão e posso assegurá-lhes que não é uma boa coisa para se ter na vida. Quando você muda a sua vida em favor de alguém, dispondo-se a viver esse “amor” sobre todas as circunstância, deixa tudo e todos para trás. Não te desestimo a correr atrás de seu amor e vivê-lo de forma intensa. O que acontece é que devemos viver o amar de forma que possamos amar primeiramente a nós mesmos e em segundo plano amar e ser amado. Talvez aos teus olhos, essa crônica não fala sentido, mas para mim ela é inerrante, haja visto que já sofri por amor, já mudei de cidade, já passei anos pensando em uma pessoa que nem lembrava de mim. Ela cravou o “veneno” em mim, o antídoto foi amar a mim mesmo e posteriormente permitir transmite esse amor a outrem.


[adToAppearHere]


https://www.youtube.com/watch?v=hqqylF1V6MQ

Comente esta postagem

1 Resultado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *