Características de um bom Diretor Escolar

Certo dia, navegando no blog da educadora Rosângela da Glória, me deparei com um artigo que muito me chamou a atenção em relação à a função do diretor (gestor) na comunidade escolar. Felizmente, nas comunidades em que vivo e trabalho (dois povoados de zona rural), as escolas têm diretores que se encaixam nos perfis abaixo descrito.

No blog acima linkado, li e concordei que para ser diretor em uma escola, o profissional precisa ter algumas características específicas:

  • Ser educador;
  • Ter pré-disposição para trabalho coletivo;
  • Ser articulador e mediador dos segmentos internos e externos;
  • Ter iniciativa e firmeza de propósito para realização de ações;
  • Ser conhecedor dos assuntos técnicos, pedagógicos, administrativos, financeiros e legislativos;
  • Ter espírito solidário e ético;
  • Ser conhecedor da realidade da escola;
  • Ter credibilidade na comunidade;
  • Ser um defensor da educação;
  • Ter liderança democrática e capacidade de mediação;
  • Ser capaz de avaliar e autoavaliar-se;
  • Reconhecer e valorizar o que foi produtivo, bem como saber que algo está acontecendo de modo errado e procurar dialogar para se chegar a uma solução;
  • Ter a capacidade de resolver os problemas da melhor maneira possível;
  • Ser transparente e coerente nas ações;

Contudo, em alguns lugares  do Brasil, ser diretor é uma posição de cunho mais propriamente político do que pedagógico. Existem diretores que parecem que “caíram de paraquedas” naquele cargo e muitas das vezes torna-se um simples cumpridor de ordens e age assim sem ter a percepção dos universos pedagógico e administrativo que o circundam.

Um bom diretor representa ao seu alunado, a sua equipe e a sua comunidade e consegue influenciar positivamente o corpo escolar acima citado de forma a contribuir com tanto com a formação moral e cidadã, bem como a boa formação profissional de quem o cerca.

Texto: Professor José Carlos Alves

Referências: http://rosangeladagloria.webnode.com.br/

Você pode gostar...

Comente esta postagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *