Como ensinar sobre o Sistema Monetário: Alfabetização Matemática

Esta aula objetiva contemplar ações do Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa. Este é um compromisso formal assumido pelos governos federal, do Distrito Federal, dos estados e dos municípios de assegurar que todas as crianças sejam alfabetizadas até os oito anos de idade, ao final do 3º ano do Ensino Fundamental.

De acordo com os documentos do Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa aos oito anos de idade, as crianças já precisam ter o entendimento e a compreensão do funcionamento do sistema de escrita e o domínio das correspondências grafofônicas, mesmo que não dominem todas as convenções ortográficas irregulares. Elas também precisam ter a fluência de leitura e o domínio de estratégias de compreensão e de produção de textos escritos.

Dentro da visão de alfabetização do Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa o professor alfabetizador tem a função de auxiliar na formação para o bom exercício da cidadania. Para isso, precisa entender a alfabetização para além de uma visão tradicional em que considera a aprendizagem da leitura e a produção de texto como uma aprendizagem de habilidades individuais e de simples codificação e decodificação.

O que o aluno poderá aprender com esta aula
  • Representar por meio da escrita os valores do sistema monetário;
  • Conhecer o sistema monetário;
  • Representar e escrever quantias em reais;
  • Comparar preços;
  • Desenvolver cálculo mental, envolvendo real e centavos;
  • Resolver situações problema usando o real;
  • Reconhecer e utilizar o sistema monetário vigente no país;
  • Utilizar o dinheiro para fazer trocas, comparar valores e resolver problemas.
  • Desenvolver a linguagem oral;
  • Utilizar alguns gêneros textuais relacionadas ao tema trabalhado;
  • Desenvolver atitudes de interação, de colaboração e de troca de experiências em grupos.

    Visualize o material completo no Portal do Professor. Link –> http://portaldoprofessor.mec.gov.br/fichaTecnicaAula.html?aula=58389

Crédito à autora Vaneide Correia Dornellas

Você pode gostar...

Comente esta postagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *