Por uma alfabetização até os oito anos de idade – Magda Soares

Magda Becker Soares

Na linguagem comum, e mesmo no discurso pedagógico, estar alfabetizado é saber ler e escrever. Mas essas duas competências, expressas simplesmente por esses verbos — ler, escrever — sem que se lhes atribua complementos (ler o quê? escrever o quê?), não são suficientes para que o indivíduo possa participar plenamente de sociedades grafocêntricas, isto é, centradas na escrita. É necessário ter também as habilidades necessárias para fazer uso da leitura e da escrita, nas práticas sociais em que a língua escrita está envolvida: para além da alfabetização, o letramento. Uma pessoa está amplamente inserida em sociedades letradas quando não só sabe ler e escrever, mas sabe fazer uso adequado e bem sucedido da leitura e da escrita.

Com esses conceitos em mente, podemos dizer que o Todos Pela Educação, em sua Meta 2, busca garantir que toda criança esteja, até os 8 anos, alfabetizada e capaz de usar a leitura e a escrita nas situações que vivencia em sua vida escolar e social.

BAIXE O ARQUIVO COMPLETO

Fonte: http://www.todospelaeducacao.org.br/biblioteca/1387/por-uma-alfabetizacao-ate-os-oito-anos-de-idade/

Você pode gostar...

Comente esta postagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *