Pesquisa do Google define professora como ‘prostituta’ – Veja como denunciar

Ao buscar no Google os termos “professora significado“, a resposta dada pelo dicionário utilizado pela ferramenta surpreende e choca. A segunda definição do termo é “prostituta com quem adolescentes se iniciam na vida sexual“, classificada como um “brasileirismo”. Imagens com a definição viralizaram nas redes sociais e no WhatsApp. O EXTRA fez o teste nesta segunda-feira e obteve o mesmo resultado. Em primeiro lugar, vem a definição correta: “mulher que ensina ou exerce o professorado”.

O mesmo resultado aparece em outros dicionários, como o Houaiss, e no dicio.com.br. Quando a busca é feita por “professor significado”, no masculino, o resultado é diferente. Neste caso, o primeiro resultado diz “aquele que professa uma crença”, e o segundo; “aquele que ensina”.

A assessoria do Google informou que privilegia resultados de fontes confiáveis e autoritativas para os quadros que aparecem em primeiro resultado dos termos buscados e que, no caso do box Dicionário, o conteúdo gerado é produzido por terceiros, e não pela plataforma Google. A assessoria ainda informa que para reclamações sobre o resultado de qualquer busca, esta pode ser feita clicando na palavra “Feedback”, que aparece logo abaixo do resultado da pesquisa. Por meio de nota a assessoria informou ainda que licencia o conteúdo dos parceiros para oferecer respostas na página de resultados da Busca, incluindo dicionários.

Leia abaixo a nota na íntegra:

“Trabalhamos com vários parceiros locais e globais para fornecer informações e serviços que os usuários procuram e licenciamos seu conteúdo para oferecer respostas úteis diretamente na página de resultados da Busca, incluindo dicionários.”

Pedimos mais respeitos à estas profissionais.

FONTE: Extra

Comente esta postagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *