E os professores que não tomarem vacina? Como irão trabalhar? – Especialista comentam

Gostou? Outras pessoas também poderão gostar. Nos ajude. COMPARTILHE!

Desde que a pandemia do Coronavírus atingiu todos os países do mundo e transformou drasticamente a vida da população mundial, várias alterações ocorreram e provocaram a necessidade de adaptação ao chamado “novo normal”. Escolas fechadas, lockdown, quarentena, restrições, futebol sem torcida e tantas outras mudanças, além do elevado número de casos de contaminados, e infelizmente, de morte fez com quem nos centrássemos em um desejo uníssono pelo advento de uma vacina que viesse a curar quem estivesse contaminado e também imunizar esses e a quem não se contaminou. Mas desde que o surgimento das primeiras vacinas veio a ser noticiado, surgiu a polêmica sobre a eficácia da vacina, havendo discordância sobre tomar ou não tomar, principalmente quando se fala de vacinas oriundos de laboratórios chineses.

O Governo de São Paulo e o Instituto Butantan confirmaram recentemente que a vacina contra o coronavírus desenvolvida em parceria com a biofarmacêutica Sinovac Life Science, de origem chinesa, atingiu índice de eficácia de 100% para casos graves e moderados. O estudo clínico realizado no Brasil contou com a participação de 12,4 mil profissionais de saúde voluntários em 16 centros de pesquisa.

Na quinta-feira (7), o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, anunciou a assinatura de um contrato com o Instituto Butantan para adquirir até 100 milhões de doses da CoronaVac. Esse contrato, no entanto, previa a compra inicial de 46 milhões de unidades a serem entregues até abril deste ano e a possibilidade de aquisição de mais 54 milhões posteriormente.

“Assim, brasileiros de todo o país receberão a vacina simultaneamente, dentro da logística integrada e tripartite, feita pelo Ministério da Saúde e as Secretarias Estaduais e Municipais de Saúde”, destaca a pasta, em nota divulgada.

Mesmo com o acordo entre SUS e Butantan, há quem não queira tomar a referida vacina, incluindo o presidente Jair Messias Bolsonaro.

E então? O que acontecerá com professores, diretores e alunos que não tomarem a vacina?

– A resposta se encontra no vídeo abaixo da Band News e se refere a população em geral.

VEJA A REPORTAGEM DA BAND NEWS SOBRE O POSICIONAMENTO DO STF E COMENTÁRIOS DE UMA ESPECIALISTA.

Não esqueça de deixar a sua opinião.


Este texto foi editado com uso de fontes oficiais que serão deixadas abaixo.

AGÊNCIA BRASIL: https://agenciabrasil.ebc.com.br/saude/noticia/2021-01/sus-tera-exclusividade-sobre-coronavac-afirma-ministerio-da-saude

GOVERNO DE SÃO PAULO: https://www.saopaulo.sp.gov.br/noticias-coronavirus/vacina-do-butantan-atinge-100-de-eficacia-para-casos-moderados-e-graves-2/

Somos contra as fake news. Qualquer dúvida, acesse os links para confirmar as informações.

Gostou? Outras pessoas também poderão gostar. Nos ajude. COMPARTILHE!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *