Enfermeira de 54 anos é a primeira brasileira a receber a vacina do Instituto Butantan

Gostou? Outras pessoas também poderão gostar. Nos ajude. COMPARTILHE!

Moradora do bairro de Itaquera, zona leste da capital, Mônica Calazans tem 54 anos e é voluntária no combate à Covid-19 em São Paulo (SP)

Reprodução/Twitter
Minutos após a aprovação da CoronaVac em reunião da diretoria da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), a primeira dose do imunizante desenvolvido pelo Instituto Butantan, em parceria com a chinesa SinoVac, já foi aplicada em São Paulo (SP). Mônica Calazans, enfermeira de 54 anos de idade, foi a primeira brasileira a receber o medicamento contra a Covid-19.

Mônica é moradora do bairro de Itaquera, situado na zona leste da capital paulista, e é enfermeira voluntária no combate à pandemia no país. Ela trabalha na UTI do Hospital Emílio Ribas, nas Clínicas, onde recebeu a vacina, na companhia do governador do estado, João Doria (PSDB).

O governo de São Paulo, portanto, já deve dar início oficial ao plano de vacinação contra Covid-19 a partir desta segunda-feira (18), como já havia sido informado pelo secretário de Saúde do estado, Jean Gorynchtein, neste sábado (16). São mais de 10,8 milhões de doses prontas da CornaVac para serem utilizadas.

Fonte: TV CULTURA

Gostou? Outras pessoas também poderão gostar. Nos ajude. COMPARTILHE!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *